O que é mediação

Dr. Ernesto Rezende Neto é um dos pioneiros em mediação no Brasil e integra o corpo docente do curso de resolução alternativa de conflitos da Escola Superior do Ministério Público de São Paulo e MEDIATIVA. Faz uso de seus mais de 30 anos de experiência do contencioso judicial para aplicar com sensibilidade as técnicas adquiridas em sua atuação como mediador. Essa é uma ferramenta valiosa também em sua atuação como advogado, e se mostra especialmente útil em casos envolvendo o direito de família. 

 

Como funciona a Mediação

Mediação é um modo eficaz de resolver disputas sem a necessidade de bater às portas de um Tribunal. Isso implica na utilização de uma terceira pessoa independente - o mediador - que ajudará ambas as partes a chegarem a um acordo.

A mediação é um processo flexível que pode ser utilizado para resolver conflitos em uma grande variedade de situações. Entre outras :

  •     contratos
  •     disputas envolvendo direito de família
  •     questões hereditárias (inventários)
  •     conflitos sobre direitos de vizinhança
  •     acordos nas mais diversas áreas do direito Civil

O papel do mediador é ajudar as partes a conseguir uma solução amigável para o problema e chegar a um resultado em que ambas as partes se considerem satisfeitas com o desfecho do caso. Os mediadores evitam tomar partido, fazer juízo de valor ou mesmo dar orientação às partes. São responsáveis apenas por facilitar uma comunicação eficaz e construir o consenso entre elas. O foco de uma reunião de mediação é conseguir um acordo baseado em bom senso, que agrade ambos os lados da disputa.

A mediação é um processo voluntário e só se realizará se ambas as partes estiverem de acordo com a adoção desse procedimento. É um processo estritamente confidencial onde o teor das discussões não são revelados a pessoas estranha à discussão.

Se as partes forem incapazes de chegar a um acordo, podem  ainda assim dirigirem-se à Justiça comum. Nesse caso, os detalhes discutidos por ocasião das reuniões de mediação não podem ser trazidos ao Tribunal.

As partes arcam por igual com o preço das reuniões de mediação, o qual irá depender do valor e complexidade da reclamação.

Tentativas de acordo com um advogado que utiliza técnicas de mediação

Se o profissional for contratado em sua capacidade de advogado, nada impede que ele utilize as técnicas da mediação para viabilizar o diálogo de seu cliente com a parte contrária. Mas isso não quer dizer que estará atuando como mediador, mas apenas utilizando uma das várias ferramentas colocadas à sua disposição para viabilizar o acordo. Nesse caso, não há qualquer das restrições impostas à figura do mediador, mesmo porque seu papel é de advogado que procura facilitar a conciliação.

Mediação e utilização de advogado com ênfase na conciliação - Con­sul­tas, dis­cussão de casos, infor­mações — página de con­tato — E-​mail This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it. — tele­fones (11) 30791837 ou (11) 30710918. Horário de atendi­mento ao público: de Segunda à Sexta, das 11:00 às 18:00 horas

 

 

IMPRENSA

 
imprensa rezendeneto