Quanto Custa um Advogado

Advo­ga­dos sabem que custo é ponto muito impor­tante na con­tratação de qual­quer serviço. Os profis­sion­ais do Dire­ito podem — e devem — apre­sen­tar alter­na­ti­vas viáveis que se encaixem às pos­si­bil­i­dades do cliente em poten­cial, com uma boa relação custo benefício.

Depen­dendo do tipo de caso, há difer­entes opções de paga­mento e facil­i­dades – desde os chama­dos hon­orários ad exi­tum até o paga­mento de parce­las men­sais fixas. É impor­tante que o advo­gado apre­sente tais opções logo no iní­cio da con­tratação e mantenha-​se fiel à essa transparên­cia durante todo o decor­rer dos trabalhos.

Tenha em mente tam­bém que há advo­ga­dos que ofer­e­cem con­sulta ini­cial gratuíta se o prob­lema vier a requerer o ajuiza­mento de ação judi­cial ou defesa. Out­ros não agem desta maneira.

Para um entendi­mento abrangente do sis­tema de deter­mi­nação de hon­orários advo­catí­cios, por favor clique em uma das opções abaixo:

Fatores que influ­en­ciam a deter­mi­nação do preço, de acordo com o Código de Ética e Dis­ci­plina da Ordem dos Advo­ga­dos do Brasil

Con­sul­tas, pare­ceres, elab­o­ração de con­tratos e inter­venção para acordos

Hon­orários advo­catí­cios para preposição ou defesa em ações judiciais

Saiba qual é o valor cobrado especi­fi­ca­mente pelo serviço